Miguel Real

Miguel Real

Biografia

Miguel Real nasceu em Lisboa a 1 de Março de 1953. É licenciado em Filosofia pela Universidade de Lisboa, mestre em Estudos Portugueses pela Universidade Aberta, professor do Filosofia no ensino secundário, colaborador permanente do Jornal de Letras, Artes e Ideias e foi bolseiro do Centro Nacional de Cultura. No ensaio destacou-se com «Narração, Maravilhoso, Trágico e Sagrado em "Memorial do Convento" de José Saramago» (1995), «Portugal - Ser e Representação» (1998, Prémio Revelação de Ensaio Literário da Associação Portuguesa de Escritores 1995), «Padre António Vieira e o Ano de 1666» (1999), «A Geração de 90 - Romance e Sociedade no Portugal Contemporâneo» (2001), «Eduardo Lourenço - Os Anos de Formação: 1945-1958» (2003), «O Marquês de Pombal e a Cultura Portuguesa» (2005), «O Último Eça» (2006) e «Agostinho da Silva e a Cultura Portuguesa» (2007). Na ficção distinguiu-se com «A Visão de Túndalo por Eça de Queirós» (2000, Prémio Ler/Círculo de Leitores 1999), «As Memórias de Branca Dias» (2003), «A Voz da Terra» (2005, Prémio Fernando Namora da Sociedade Estoril Sol 2006), «O Último Negreiro» (2006) e «O Último Minuto na Vida de S.» (2007). Para 2008, ano do 400º aniversário do nascimento do Padre António Vieira, está prevista a edição de «O Sal da Terra», o seu romance sobre o imortal escritor, eclesiástico e diplomata. No drama, e juntamente com Filomena Oliveira, escreveu, entre outras, as peças «Os Patriotas» (2001), «O Umbigo de Régio» (2003), «Liberdade, Liberdade» (2004) e «1755 - O Grande Terramoto» (2006) - todas levadas à cena em teatros de Lisboa ou arredores.  

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business