Cidadão Orson Welles - Crítica no Fenther

Para quem não conhecia nada da vida de Orson Welles, descobrir este livro foi uma experiência muito gratificante.
Orson Welles, com o Filme Citizen Kane que, apesar do realizador sempre o ter negado, parece retratar a vida de William Randolph Hearst, o magnata da imprensa, que desde esse momento o presseguiu com toda a sua influência na imprensa escrita e acesso a criticos de cinema e conseguiu destruir-lhe a vida.

Mas este livro é muito mais que a história de alguem que tenta sobreviver ao poder de quem lhe quer mal. Este livro concentra todas as suas forças na belíssima estória de amor com Yasmin, uma Tunisina em Roma com um passado doloroso e muito mal aceite pela sociedade.

Em todas as frases deste livro a autora tenta mostrar o lado positivo de um determinado acontecimento. É o livro mais optimista e que transmite mais tranquilidade e felicidade que eu já li. Mesmo com todas as coisas horriveis que vão acontecendo pela narrativa, a autora consegue sempre superar e logo de seguida apresentar uma linda e feliz imagem de amor.

O livro é pequenino e lê-se em “3 tempos” :)
Vale a pena!

Publicado em 22 Outubro 2014

Arquivo

2019

2018

2017

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business