Do Fundo do Coração - Crítica no Dispersões

Mais um livro, mais Nora Roberts. E desta vez não se trata de um romance, mas sim de uma colectânea de três!
Nora Roberts é uma contadora de histórias por excelência que tem o dom de envolver os seus leitores nos romances que escreve. É impossível ler um livro seu sem imaginar, nos mais precisos detalhes, o ambiente e as personagens que nos descreve. E este não foi excepção.
Ao longo de quase 500 páginas, Nora apresenta-nos três romances distintos mas há algo que todos têm bem presente: a força do amor enquanto cura. Há neste livro uma frase que, julgo, diz tudo: “Ser-se amado é fácil. Amar é que é difícil”.
Tendo lido já mais de 30 livros desta autora é fácil perceber que estes livros fazem parte do princípio da sua carreira. Não que sejam de fraca qualidade ou que não saibam prender os leitores mas porque a escritora poderia ter desenvolvido melhor as histórias. Mas aí já não seriam contos mas sim romances de grande envergadura como aqueles a que Nora já nos habituou.
Em relação às histórias não vou entrar em grandes detalhes.
São todas bastante interessantes, cheias de mistério, romance, sensualidade e, claro, terminam com um final feliz.
Nora Roberts consegue, como poucos, criar pares românticos com grande empatia, casais fluídos e com muita química. Por vezes, como acontece nesta colectânea, os casais parecem ter personalidades opostas. Mas, e como diz o ditado popular, a autora prova-nos que os opostos, afinal, atraem-se. E é nos "embates" entre os protagonistas que surgem momentos de grande humor que nos arrancam gargalhadas até nos fazer doer a barriga.
A apontar tenho apenas a dizer que gostaria que a última história "Fins e Recomeços" tivesse um final menos apressado e melhor desenvolvido.

Publicado em 16 Outubro 2014

Arquivo

2019

2018

2017

Listas de Recomendações

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business