Frutos Proibidos - Crítica no Efeito dos Livros

Para Lyssa, nem as tarefas do seu dia a dia a conseguem distrair do cansaço extremo que sente por tantas noites mal dormidas, faz já tanto tempo. A primeira noite de descanso para Lyssa (por desgasto e felicidade pós-coital) acontece no dia em que Aidan se junta a ela em sonhos. Aidan é um Guardião, um ser imortal que protege, conforta as sonhadoras no Crepúsculo, no mundo dos sonhos. Se cada Guardião tem uma especialidade, a de Aidan é seduzir, satisfazer e extasiar a sonhadora que visita. Ele encarna os sonhos e desejos mais eróticos das pessoas que visita. A química entre Aidan e Lyssa é instantânea, visível até no escuro, como se brilhasse, é palpável a atracção que começam a sentir um pelo outro, só pelo timbre da voz, o calor ou a personalidade que deixam transparecer na presença um do outro.

A loucura instala-se ao primeiro toque e sabemos que desse momento em diante Aidan e Lyssa fazem tudo para ficar juntos enquanto forças alheias os afastam. “A Chave, a Fechadura e o Guardião” não podem estar juntos e começamos a perceber isso entre os encontros tórridos dos dois, as dúvidas de AIdan e a toda a história do Mundo dos Guardiões. Com um balanço extraordinário entre as temáticas que compõem este livro (talvez com um excesso de ordinarice, como diz a minha mãe), confesso que não me sentia tão interessada numa história e na sua continuação como quando li, religiosamente uns atrás dos outros, os livros da saga Predadores da Noite, de Sherrilyn Kennyon. Na realidade, encontro uma semelhança entre os Dream Guardians de Sylvia Day e os Dream Hunters de Sherrilyn Kennyon. Ambas as histórias são cativantes, prendem-nos aos personagens e com este livro, ficamos sempre a conhecer a personagem do
próximo, algo que sempre me agradou. Quer uma série, quer outra, apresentam-nos mundos fantásticos, alternativos, viciantes, sedutores e de fazer crescer água na boca. Se estão ressacados de uma boa história fantástica com cenas “porcas” à mistura, então este é o fruto proibido e mais apetecido, este livro é o prazer da noite, para ser desfrutado a qualquer hora do dia e garanto-vos que vão ler (em pouco tempo) e acabar a chorar por mais.

Publicado em 29 Janeiro 2014

Arquivo

2017

2016

2015

Visite-nos em:

Forum Bang Forum Bang Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business