Nuno Markl sobre o livro de David Duchovny "Vaca Sagrada"

11 perguntas a… Nuno Markl
 por Nuno Cardoso

Radialista, humorista, autor, ex-apresentador de 5 Para a Meia-Noite, apaixonado por ficção científica e acérrimo defensor dos animais, Nuno Markl fala-nos hoje dos seus discos, livros, filmes e séries de televisão.



1 O primeiro disco comprado.
O primeiro a sério, com o meu dinheiro, inaugurando a minha fase de fã a sério de música? Foi o Naked, dos Talking Heads. Mesmo reconhecendo que não será o melhor deles, é um disco importantíssimo na minha vida. E o (Nothing But) Flowers continua no meu top 3 das canções favoritas de sempre.


2 O filme mais marcante visto na infância.
Um empate entre o Star Wars, no balcão do Cinema Império, e o E.T. Adorava dar uma resposta mais original é surpreendente, mas estes dois marcaram para a vida.

3 Um livro que tenha mudado a vida.
Os Contos do Gin Tonic, do Mário Henrique Leiria. Devo grande parte da minha vontade de escrever humor a esse livro e ao segundo volume, Novos Contos do Gin Tonic. Quando os li foi uma epifania.

4 Uma série para rever.
Gostava de fazer “binge watching” do Twilight Zone inteiro. Tantas boas ideias e conceitos. O Rod Serling era um visionário, ele percebeu que a televisão não era necessariamente um meio para baixar a fasquia em relação ao cinema. Percebeu que se podia usar a televisão para fazer arte.

5 O mais recente filme visto no cinema.
The Revenant – O Renascido, do Alejandro Gonzalez Iñarritu. O melhor elogio que lhe pode ser feito é que não terei vontade de o ver outra vez. E adorei o filme, mas há experiências que têm de ser mantidas mais na memória do que na prateleira dos Blu-rays. É brutal. Faz A Paixão de Cristo do Mel Gibson parecer o Notting Hill.

6 A canção que mais vezes foi escutada.
Feitas as contas, talvez o Life On Mars? do David Bowie. É sublime.

7 O livro a ser lido neste momento.
Vaca Sagrada do David Duchovny. É uma revelação. O Fox Mulder tem mesmo piada e imaginação a escrever.

8 O músico preferido.
Eu empataria entre o David Bowie e o David Byrne.

9 O autor com mais livros lidos.
Douglas Adams. À conta do Hitchhiker’s Guide to The Galaxy, que é um tratado de humor e ficção científica, devorei-lhe toda a saga. A famosa trilogia em cinco partes, mais o livro dele sobre conservação animal, Last Chance to See.

10 O mais recente concerto.
O Futuro Eu do David Fonseca no CCB. Gosto muito do David, conheço-o desde antes dos seus anos da fama, acompanhei-lhe o percurso, que acaba por seguir em paralelo ao meu, já que, cada um na sua área, começámos mais ou menos ao mesmo tempo. E já trabalhámos juntos e é sempre um prazer. É um atentíssimo geek musical, e tem uma imaginação fervilhante não apenas na música mas na maneira de servir essa mesma música. O show do CCB foi prova disso. Até stand-up ele fez!

11 A música que te acorda atualmente às 06.00 como despertador antes de ires para as manhãs da Rádio Comercial.
É a seguinte: pi, pi, pi, pi, pi. Eu adorava acordar com música, mas às 6 da manhã tenho de ser o mais discreto e minimalista no meu despertador para evitar acordar mais alguém. Seja como for, nos últimos tempos, mal entro no carro para fazer a A5 até Lisboa, o Blackstar do David Bowie tem-me feito muita companhia.

Publicado em 29 Janeiro 2016

Arquivo

2017

2016

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business