O Duque mais Perigoso de Londres - Opinião em O Mundo Encantado dos Livros

Madeline Hunter é uma autora que tento seguir e que, apesar dos imensos livros já publicados, consegue manter sempre uma posição privilegiada no meu TOP10.
Para mim, os seus livros têm sempre uma escrita aliciante e as histórias são sempre construídas com uma imaginação incrível, que nos deixam ser com vontade de continuar a ler. Mesmo depois de terminado um livro e parece que as suas personagens ganham vida à medida que a trama se vai desenrolando.
Esta é a mais recente trilogia publicada pela autora, tanto em Portugal como no estrangeiro e por isso é provável que o segundo livro demore um pouco a chegar às nossas mãos. Mesmo assim a leitura deste livro não deve ser deixada para trás, pois trata-se de uma historia com todos aqueles ingredientes que tanto gostamos neste género literário. É incrível como, depois de ler tantos livros dentro da mesma linha ainda não me sinto cansada e continuo a devorar cada um deles como se do primeiro se tratasse. É uma época incrível que, apesar de ser uma altura da historia em que as mulheres eram bastante penalizadas, os seus usos e costumes deixam-me sempre fascinada e com aquela sensação de que devo ter nascido na época errada.
Quanto aos personagens, devo dizer que Clara e o duque de Stratton são mesmo feitos um para o outro, sendo que a forma como se relacionam mostra que apesar de se encontrarem em desacordo, vão-se completando e transformando os seus sentimentos em algo mais. É claro que logo no inicio do livro vamos adivinhando os contornos que a historia irá levar, mas existe pelo menos um pormenor que nem me passou pela cabeça e no momento em que aconteceu pensei algo como “Mas como não me lembrei disto antes?”. De todos os outros, gostei bastantes do amigos de Stratton, os membros da Sociedade dos Duques Decadentes mostram-se sempre animados e parece-me que pelo menos algo está a acontecer na vida de um deles que poderá ser a historia de um dos livros seguintes…infelizmente tenho mesmo de esperar para ver se tenho mesmo razão.
Quanto à avó de Clara…que mulherzinha odiosa! Nem sei ao certo o que dizer dela, mas penso que por estas palavras podem já perceber o que achei dela.
Esta foi então a primeira vez que a Saída de Emergência publicou este género literário e esta autora em particular e, apesar de não ser este o tipo de livros que nos habituou espero sinceramente que continue a publicar, sendo que existem imensas autoras dentro do mesmo género que ainda não vimos os seus livros a serem publicados no nosso país. Muitos parabéns à editora por se “atrever” a sair da sua zona de conforto.
Publicado em 15 Fevereiro 2018

Arquivo

2018

2017

2016

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business