O Toque do Highlander - Crítica em O Mundo Encantado dos Livros

Os seus livros já são publicados há muito tempo no nosso país, mas para mim Karen Marie Moning é uma descoberta recente. O seu nome já tinha sido tantas vezes mencionado por amigos e conhecidos que tive de experimentar e agora não quero outra coisa!
Esta série tem vários elementos que me fascinam e talvez por isso tenha sido tão fácil ficar presa a ela. São poucos os livros que tenham viagens no tempo e romance paranormal aos quais não fico rendida e agora fico zangada comigo mesma quando vejo que andei a perder a oportunidade de ler livros de uma autora fantástica.
“O Toque do Highlander”, apesar de ser o mais recente livro da autora, publicado pela Saída de Emergência, é na verdade o terceiro livro da série e é o segundo que leio. Um livro fantástico e que não deixa margens para dúvida para o incrível talento da autora. Gostei muito de toda a história, principalmente da forma como Lisa foi parar ao passado. Moning criou um enredo sólido e até mesmo realista, sem recorrer a grandes explicações que apenas viriam a cansar o leitor e a estragar todo o ambiente da trama. As personagens estão também bem construídas e logo no início vão criando muita empatia, fazendo com que se torne muito difícil deixar o livro de lado para realizar uma ou outra tarefa doméstica ou até mesmo para ir trabalhar.
O ambiente vivido na Escócia Medieval foi muito bem criado, mas é quase esquecido perante um romance tão bonito, mas ao mesmo tempo engraçado como o das duas personagens principais, pois ambos possuem personalidades muito fortes e não se deixam levar facilmente pela vontade do outro. É com alguma satisfação que vejo que neste livro não existe fraqueza de espírito nos protagonistas, isso torna toda a história muito mais interessante e divertida.
Acabou por ser bastante compensador aprender mais um pouco acerca de Adam Black. Esta é uma personagem que se mantém ao longo de toda a série e pela qual me mantenho muito curiosa, apesar não estar presente fisicamente em todos os livros, o seu nome acaba por ser mencionado várias vezes e o mesmo acontece com a sua raça. Estou ansiosa por ler o livro “Amante Imortal” para conhecer a sua história na totalidade.
O final deste livro acabou por ser bastante surpreendente, apesar de esperar um ou outro detalhe. Mais uma história a não perder!
Publicado em 21 Outubro 2013

Arquivo

2019

2018

2017

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business