O Último Conjurado - Crítica no Delícias à Lareira

A acção decorre em Portugal, em 1640, altura em que o país era governado pelo terceiro rei espanhol, Filipe III. Como personagens principais temos um grupo de três amigos cavaleiros, D. Pedro, D. Diogo e D. Afonso, Laura de Noronha e D. Manuel de Vilar, também apelidado por mim como "o fofinho". Sim, ele era um encanto de moço, quanto muito não fosse porque o seu pai o metia a um canto... Simultâneamente, surge também em cena um justiceiro mascarado, conhecido por Capitão Gualdim, que combate as injustiças em pleno jugo espanhol. É uma espécie de Zorro à portuguesa. E no meio disto tudo, apesar de a história não se centrar apenas na descoberta da identidade do Capitão Gualdim, é muito difícil para quem está a ler não formular teorias a este respeito.
 
Gostei muito da forma como a autora conduziu o desenvolvimento da história, pois conseguiu não se centrar apenas nos fidalgos, ou apenas na revolta portuguesa ou mesmo na identidade do Capitão Gualdim, mas conseguiu juntar todos estes elementos de forma harmoniosa, permitindo-nos explorar todos estes pontos-chave da narrativa. Eu tenho sempre algum receio de ler romances históricos, pois sei que por vezes levamos uma autêntica aula de história e isso aborrece-me de morte... Mas assim, por entre umas quantas personagens fictícias e algumas verdadeiras, pude conhecer melhor este pedacinho da história portuguesa. Para ser sincera mal me lembro de ter falado na dinastia filipina, nos meus tempos de estudante e só por isto já valeu a pena ler o livro. Da mesma forma fiquei com vontade de explorar um pouco mais a nossa história através de romances históricos.
 
Recomendo o livro, pois tenho a certeza que ninguém vai ficar indiferente aos encantos de D. Laura, à rebeldia dos nossos três cavaleiros, à ruindade de D. Cristóvão de Vilar e vá, do fofinho também! Um dos meus planos para 2014 passava por incluir mais autores portugueses nas minha leituras e fico muito satisfeita por ter descoberto a Isabel Ricardo. Estou muito curiosa por ler mais livros seus.
Publicado em 28 Novembro 2014

Arquivo

2019

2018

2017

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business