Passagens de Vaca Sagrada #2

É possível viver alguns anos bons numa quinta, procriar e ser sacrificado para alimentar alguém. Há nisso uma circularidade simples e bela. Sou vegetariana, como todas as vacas, mas não sou ingénua a ponto de pedir a um tigre para abdicar da carne e comer rebentos de soja. Somos todos animais e todos temos o nosso sítio no ventre da Mãe Natureza. Só o homem se isolou da grande cadeia da existência e de todos os outros animais. E acredito que isso o prejudica e o entristece. 
Em Vaca Sagrada

Publicado em 23 Outubro 2015

Arquivo

2019

2018

2017

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business