Sedução - Crítica no blogue O Mundo Encantado dos Livros

São poucas as pessoas que não conhecem o trabalho de Nora Roberts, mesmo aquelas que não leram nenhum livro da autora com certeza ouviram falar do seu nome. Ela é conhecida pela sua escrita, pela maneira como cativa o leitor e pela forma como o prende na teia que vai tecendo em volta das suas histórias. Ela não tem apenas uma face, há pelo menos dois ou três géneros literários em que escreve e não há um em que ela não se destaque. Do romance ao mistério, passando pelo policial, Nora Roberts é mestre em mostrar as suas facetas de uma forma única e isso é algo que a destaca de outras autoras conhecidas desses géneros literários.
Neste livro Nora Roberts transforma-se em J.D. Robb, o pseudónimo que usa quando escreve os seus romances policiais. Sendo o 13º livro da serie “Mortal” sabemos que muita coisa já aconteceu ao longo de todo este tempo, mas cada um torna-se especial por motivos vários. Não me canso desta série, do modo como os casos são resolvidos, da historia de amor de Eve e Roarke, da amizade de Eve e Peabody, da relação entre Peabody e NcNabe, de Leonardo e Mavis e claro, do mordomo Summerset. Desde o início que me mantenho fã e não me parece que venha a largar esta serie fantástica.
Em “Sedução” iremos encontrar uma Eve um pouco mais fragilizada devido ao modo em como são caracterizados estes homicídios, mas desengane-se quem pense que isso irá desfavorecer este livro. Ao contrário do que possam pensar, a fragilidade em que a própria Eve se encontra apenas irá fortalecer o enredo e mostrar a força interior que a personagem possui no momento de solucionar os casos. Claro que por trás desta força encontra-se Roarke. Os sentimentos que os unem vão-se tornando cada vez mais fortes e nos momentos de necessidade eles apoiam-se mutuamente, unindo-os cada vez mais. Gostei das cenas entre a Peabody e o McNabe, principalmente aquela em que acabam aos beijos ao portão da cada de Eve e Roarke, a relação deles é muito divertida, o que torna o ambiente um pouco mais leve. Houve outra relação que teve inicio neste livro, mas a ideia da Dr. Louise Dimatto e Charles juntos, sabendo que ele não irá abandonar a sua profissão deixou-me um bocado pensativa, não sei se esta situação irá durar muito tempo. Ou Charles muda de profissão ou acabam por se separar, não acredito que o que sentem um pelo outro poderá manter-se, sendo ele um acompanhante profissional. Acho que muito ainda irá acontecer nas suas vidas.

Em relação ao assassino, houve uma grande mudança neste livro. Ao contrário dos outros livros em que tinha-mos de o descobrir, este foi-nos apresentado desde o início…ou melhor, foram os dois! Esse facto acabou por trazer algo novo na acção, pois deu uma nova visão daquilo que se estava realmente a passar, deixando o leitor dar mais atenção a outras coisas que se estavam a passar ao mesmo tempo. Foi uma decisão da autora que apenas veio aumentar a qualidade do livro e aumentar a vontade de continuar a ler esta serie incrível. Apenas aponto como negativo o facto do título do livro ter sofrido uma alteração tremenda. A decisão de retirar o "Mortal" acabou por afectar bastante muitos fans da serie (grupo onde também me incluo), fazendo com que seja mais difícil identificar este livro como pertencente a esta serie. Espero que no próximo livro o "Mortal" regresse ao título. Venha o próximo livro!

Publicado em 7 Agosto 2013

Arquivo

2019

2018

2017

Listas de Recomendações

Visite-nos em:

Revista Bang Instagram Nora Roberts facebook youtube
Amplitude Net - e-Business